Vamos “Talegonear”?

La Talegona volta ao Brasil para série de cursos e dois shows únicos

A temporada de cursos internacionais começou mais cedo em 2012, e começou bem. Carmen la Talegona está no Brasil desde o dia 14 de janeiro e já ministrou cursos nas cidades de Salvador, Vítória e São Paulo. Além dos cursos – que, infelizmente, tem duração apenas de três ou quatro dias, conforme o local – Carmen levou sua arte para o palco do Aman, na capital paulista, em duas únicas apresentações nos dias 25 e 29 de janeiro. De 2 a 5 de fevereiro será a vez do Rio de Janeiro, em seguida, nos dias 7 e 8 de fevereiro, estará em Recife eno dia 9 retorna a Salvador.

Para Carmen, 2011 foi, fundamentalmente, um ano de mudanças. “Foi um ano incrível!”, revelou. Junto a Talegón de Córdoba, cantaor, e ao jovem bailaor Nino de los Reyes, estreou seu mais novo trabalho, “Talegoneando”, no dia 29 de dezembro, em Madri. Um espetáculo, segundo sua própria definição, dotado de muita força. “A receptividade do público foi maravilhosa! Eu me emocionei muito”, disse.

Mas Carmen quer mais: sua ideia é levar este show para outras cidades.  Sob direção musical do guitarrista Paco Cruz, “Talegoneando” contou ainda com as participações de Javier Vega (guitarra), os cantaores Roberto Lorente, Juan Juañares e David Vazquez, José Antonio Alvarez “Montaña” (percussão) e Lidón Patiño (palmas).

Para ela, foi uma experiência muito especial. E se considera uma artista, e pessoa, privilegiada: “tenho muita sorte pois estou rodeada do carinho de muitas pessoas, que ainda tornam a minha vida mais fácil, principalmente estes grandes artistas que me acompanham”.

Além do novo show e das aulas no exterior e em Amor de Dios, em Madri, ela já está ensaiando junto a Antonio Canales, coreógrafo, maestro e bailaor, a obra “Miró”. O novo espetáculo estreia em Maio na cidade de Barcelona (Espanha). E não podia ser em outro lugar já que esta é a cidade natal do renomado artista catalão.  A coreografia é assinada por Rubén Olmos. “Um espetáculo incrível, que dará muito o que falar”, anuncia.

Talegona não para. Cansaço? Nem pensar! “Conciliar as aulas e os palcos é uma das coisas mais difíceis, mas é o que amo fazer. Gosto das duas coisas, ambas me completam, não poderia escolher entre uma ou outra”, explica. E, como sempre, está disposta a ensinar aos seus alunos “o flamenco que tenho em meu coração, com paciência e carinho”.

Quando perguntamos sobre o que deseja para este ano, ela revela com simplicidade: “Somente peço a Deus e ao universo que me dêem o mesmo que o 2011 me trouxe, pois foi um ano maravilhoso”.  E não pensa duas vezes ao responder sobre a possibilidade de vir passar uma temporada por aqui. “Sim, eu gostaria muito que alguém ou alguma fundação, tablao ou teatro me fizesse uma proposta. Adoraria passar um tempo em meu Brasil querido”. E finaliza: “Adoro a energia dos brasileiros, são pessoas muito especiais, sua espiritualidade me toca muito”.

Confira a agenda completa dos próximos cursos, horários e preços:

 

Publicar comentário